PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Ibovespa futuro recua com receios fiscais e exterior desfavorável

20/08/2020 09h35

Por Paula Arend Laier

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa futuro com vencimento mais curto recuava na manhã desta quinta-feira, afetado por preocupações com o ambiente fiscal no Brasil e tendo de pano de fundo um viés negativo nos mercados no exterior.

Por volta de 09:30, o contrato que vence em 14 de outubro caía 1,33%, a 99.425 pontos.

Na véspera, o Senado derrubou o veto presidencial ao projeto sobre reajuste salarial a categorias do serviço público durante a pandemia de Covid-19, que deve ser analisado pela Câmara dos Deputados nesta quinta-feira.

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o Senado deu um "péssimo sinal" com a votação.

No caso de a Câmara acompanhar a decisão dos senadores, "isso pode comprometer a economia de 130 bilhões de reais, que eram esperados pela equipe econômica", destacou a equipe da CM Capital Markets.

No exterior, os futuros acionários norte-americanos recuavam com os pedidos semanais de auxílio-desemprego nos EUA voltando a superar 1 milhão, um dia após o Federal Reserve sinalizar que a maior economia do mundo terá um árdua recuperação.

A visão mais pessimista do Fed também pressionava os pregões na Europa e os preços do petróleo, que também tinha no radar visão mais cautelosa sobre a recuperação da demanda pela commodity pela Opep+.