PUBLICIDADE
IPCA
0,24 Ago.2020
Topo

S&P e Nasdaq encerram em máximas recordes, alimentados por rali de tecnológicas

01/09/2020 17h17

Por Sinéad Carew

NOVA YORK (Reuters) - O S&P 500 e o Nasdaq registraram máximas recordes de fechamento nesta terça-feira, com os papéis tecnológicos liderando o movimento, conforme a Apple e o Zoom Video dispararam, enquanto os dados econômicos e as negociações de estímulo em Washington ajudaram a alimentar o otimismo.

O rali desta terça-feira se somou ao quinto ganho mensal consecutivo de Wall Street e ao avanço mais forte do S&P 500 em agosto em mais de três décadas, que também se deveu, em parte, à ajuda dos papéis de tecnologia e do suporte do banco central.

A Apple Inc avançou em torno de 4% nesta terça-feira, um dia depois de seu desdobramento de ações e após uma reportagem afirmar que a empresa havia solicitado aos fornecedores que produzam pelo menos 75 milhões de iPhones 5G para o fim deste ano.

A Zoom Video Communications Inc valorizou-se 40,8% depois que a empresa de videoconferência aumentou sua previsão de receita anual em mais de 30%, ao converter mais uma parcela de sua enorme base de usuários gratuitos em assinaturas pagas. Com a Amazon.com Inc, a empresa forneceu o maior impulso ao Nasdaq no dia.

Os investidores apontaram o ímpeto da tecnologia como o principal motivo para os avanços desta terça-feira, com algum auxílio dos dados e da política.

As empresas de tecnologia se beneficiaram com as tendências de trabalho remoto, induzidas pela pandemia, e taxas de juros mais baixas, disse Greg Boutle, chefe de estratégia de ações e derivativos nos Estados Unidos do BNP Paribas em Nova York.

"No momento, o mercado está tendo um grande impulso positivo", disse Boutle, então "se você obtiver dados razoáveis para bons e qualquer coisa do cenário político que pareça estar se movendo mais em direção a um acordo, isso é construtivo para os mercados".

O secretário do Tesouro dos EUA, Steven Mnuchin, afirmou que ligaria para a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, para tratar das negociações paralisadas sobre o auxílio no combate ao coronavírus nesta terça-feira, e o chefe de gabinete da Casa Branca, Mark Meadows, disse esperar que os republicanos do Senado apresentem um projeto de lei de alívio à Covid-19 na próxima semana.

No início do dia, dados do ISM mostraram que a atividade manufatureira dos EUA subiu pelo terceiro mês consecutivo para uma leitura de 56,0 em agosto. Os números seguem-se a pesquisas de manufatura encorajadoras da China e da Europa divulgadas mais cedo no dia.

No entanto, o emprego continuou a ficar para trás, de acordo com dados do ISM, apoiando as visões de que a recuperação do mercado de trabalho estava perdendo força. Os investidores ficarão de olho no relatório mensal de empregos dos EUA, que será divulgado na sexta-feira.

O Dow Jones subiu 0,76%, para fechar em 28.645,66 pontos, o S&P 500 ganhou 0,75%, para 3.526,65 pontos, e o Nasdaq valorizou-se 1,39%, para 11.939,67 pontos.