PUBLICIDADE
IPCA
1,35% Dez.2020
Topo

S&P 500 e Dow Jones caem por desaceleração do mercado de trabalho

25/11/2020 11h48

Por Shriya Ramakrishnan e Shivani Kumaresan

(Reuters) - Os índices S&P 500 e Dow Jones recuavam nesta quarta-feira, com um aumento surpreendente nos pedidos de seguro-desemprego semanais somando-se a sinais de que a recuperação do mercado de trabalho está estagnada, em meio a uma elevação nas infecções por Covid-19.

O relatório do Departamento do Trabalho mostrou que os pedidos iniciais de seguro-desemprego na semana passada aumentaram para 778 mil, de 748 mil da semana anterior. Economistas ouvidos pela Reuters previam 730 mil novas solicitações.

Com o próximo pacote de estímulo fiscal agora esperado apenas após a posse do presidente eleito Joe Biden, em 20 de janeiro, o impulso no mercado de trabalho deve permanecer lento.

"A questão é quem ganha a batalha --as vacinas ou o aumento de casos no curto prazo", disse Christopher Grisanti, estrategista-chefe de ações da MAI Capital Management, em Ohio.

"Nas últimas semanas, o mercado tem ignorado más notícias, mas então você recebe as estatísticas sobre os pedidos de seguro-desemprego e o mercado se concentra novamente nas dificuldades de curto prazo que estamos tendo."

Os dados também mostraram que os gastos do consumidor nos EUA, que respondem por mais de dois terços da atividade econômica doméstica, aumentaram solidamente em outubro, mas a renda pessoal caiu.

Às 13:03 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,43%, a 29.916 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,271221%, a 3.626 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,25%, a 12.067 pontos.