PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Wall St bate recorde após Trump sancionar projeto de ajuda fiscal

28/12/2020 11h47

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street bateram máximas recordes nesta segunda-feira, com a sanção pelo presidente Donald Trump de um projeto de ajuda no valor de 2,3 trilhões de dólares reforçando apostas em uma recuperação econômica e alimentando ganhos em ações dos setores financeiro e de energia.

Em uma reviravolta na noite de domingo, Trump recuou de sua ameaça de bloquear o projeto de lei, restaurando benefícios a milhões de norte-americanos desempregados e evitando a paralisação do governo federal.

"A sanção por Trump do alívio à Covid-19 e do projeto de lei de gastos do governo tirou a incerteza do caminho, e o mercado agora está no piloto automático --indo mais alto a caminho do novo ano", disse Sam Stovall, estrategista-chefe de investimentos da CFRA Research.

Todos os 11 principais setores do S&P subiam, com as ações financeiras, de energia e industriais entre as maiores altas.

O índice S&P 1500 das companhias aéreas ganhava 2,2%. As companhias aéreas devem receber 15 bilhões de dólares em assistência adicional à folha de pagamento sob a nova ajuda governamental.

As operadoras de cruzeiros Royal Caribbean Cruises Ltd, Carnival Corp e Norwegian Cruise Line Holdings Ltd também aumentavam entre 3,3% e 4,3%.

Espera-se que os volumes de negociação fiquem reduzidos na última semana do ano, que historicamente tem sido um período sazonalmente forte para as ações.

Após uma recuperação acentuada do tombo causado pelo coronavírus em março, o S&P 500 está a caminho de fechar este ano em alta de mais de 15%, apoiado por uma política monetária estimulativa, alta liquidez e um programa de vacinas contra a Covid-19.

Às 12:54 (horário de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,94%, a 30.484 pontos, enquanto o S&P 500 ganhava 0,890075%, a 3.736 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq avançava 0,63%, a 12.885 pontos.

(Por Devik Jain e Supriya R)