PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Alta de preços de novas moradias na China desacelera em dezembro, mostra pesquisa privada

01/01/2021 16h22

PEQUIM (Reuters) - Os preços de novas moradias na China subiram em um ritmo menor em dezembro, com as políticas de arrocho de preços continuando a esfriar o mercado, mostrou uma pesquisa privada nesta sexta-feira, mas o crescimento dos preços em 2020 ainda supera o ritmo do ano anterior apesar da pandemia de coronavirus.

Os preços de novas moradias em 100 cidades subiu 0,25% em dezembro em comparação ao mês anterior, ante um ganho de 0,32% em novembro, reduzindo o ritmo pelo segundo mês seguido, segundo dados da Academia de Índices da China, uma das maiores empresas de pesquisa imobiliárias independentes do país.

Mais cidades, no entanto, informaram ganhos mensais, com o número chegando a 79, em comparação às 71 de novembro, enquanto 19 cidades viram preços de novas moradias mais baixos em comparação a 28 no mês anterior, mostraram os dados.

"Com as medidas do governo para esfriar o mercado em andamento, a alta nos preços permaneceu moderada, em geral", disse Cao Jingjing, diretor de pesquisa da empresa que fez a pesquisa.

"A desacelração da alta também foi pressionada por grandes quedas de preços em algumas cidades menores que estão passando por recessões econômicas e redução populacional."

Em termos anuais, os preços de novas moradias subiram 3,46% em dezembro ante a alta de 3,63% em novembro.

No ano de 2020, os preços de novas moradias subiram 3,46%, pouco mais do que os 3,34% vistos em 2019, mostraram os dados.

(Reportagem de Lusha Zhang e Ryan Woo)