PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Lira diz não acreditar em interferência de preços na Petrobras

 "Lógico que a Petrobras pode fazer algum ajuste [...] mas isso é uma coisa que o Executivo tratará", disse Lira - Wallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo
"Lógico que a Petrobras pode fazer algum ajuste [...] mas isso é uma coisa que o Executivo tratará", disse Lira Imagem: Wallace Martins/Futura Press/Estadão Conteúdo

Maria Carolina Marcello

19/02/2021 21h01

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), disse hoje não acreditar em interferência de preços na Petrobras, e acrescentou que cabe ao Executivo a indicação de cargos em empresas do governo.

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta noite que o governo decidiu indicar o general Joaquim Silva e Luna para assumir os cargos de conselheiro e presidente da Petrobras após o encerramento do ciclo do atual CEO da companhia, Roberto Castello Branco.

"Ao Poder Executivo... cabe indicar as pessoas que na sua atribuição ele tenha que fazer... a nós não cabe comentar indicação de ministros, indicação de presidentes de companhia, é uma atribuição do presidente da República", disse Lira a jornalistas.

"Eu não acredito em interferência de preços, eu não acredito, esse problema é um problema mundial", acrescentou. "Lógico que a Petrobras pode fazer algum ajuste, não precisa fazer aumentos semanais, ela pode fazer num diapasão maior, mas isso é uma coisa que o Executivo tratará."