PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Bahia identifica primeiro caso de variante peruana do coronavírus no Brasil

24/02/2021 17h20

(Reuters) - O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA)identificou um caso da variante peruana do coronavírus em um viajante que aportou em Salvador de navio este mês, informou a Secretaria de Saúde do Estado, no primeiro caso de identificação da cepa no Brasil.

"Desde que começou a realizar o sequenciamento genético do vírus Sars-Cov-2, responsável pela infecção pandêmica que já fez mais de 11 mil vítimas fatais na Bahia, o Lacen-BA já identificou 13 diferentes linhagens do vírus em cerca de 1 ano, provavelmente vinculadas a múltiplos eventos de importações ocorridas simultaneamente e que justificam o alto número de infecções registradas no Estado", disse a secretaria em nota na noite de terça-feira.

A variante peruana não está entre aquelas descritas pelas autoridades sanitárias internacionais como "variantes de atenção", que são aquelas que podem provocar um aumento da transmissibilidade e o agravamento da situação epidemiológica nas áreas onde forem identificadas devido às mutações que sofrera,

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), existem atualmente três novas variantes de atenção principais atualmente em circulação no mundo: do Reino Unido, da África do Sul e de Manaus.

Segundo o Ministério da Saúde, foram registrados no Brasil até 20 de fevereiro 202 casos e variantes de atenção no país, sendo 20 casos da variante do Reino Unido e 184 casos da variante do Amazonas. Não foi identificada até o momento no país a variante sul-africana.

As linhagens mais prevalentes que circulam no Brasil desde o início da pandemia, de acordo com o ministério, são duas variantes que não são consideradas como variantes de atenção.

(Por Pedro Fonseca, no Rio de Janeiro)

PUBLICIDADE