PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Valor da produção rural pode crescer até R$ 100 bi com maior conectividade no campo

                                 Plantação de Cana de Açúcar                              -                                 PRISCILLA BUHR/ACERVO JC IMAGEM
Plantação de Cana de Açúcar Imagem: PRISCILLA BUHR/ACERVO JC IMAGEM

19/05/2021 18h37

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP), estimado em 1,057 trilhão de reais para 2021, pode crescer até 101,47 bilhões de reais com o aumento da conectividade em áreas rurais pelo modelo telecom, afirmou nesta quarta-feira o Ministério da Agricultura com base em estudo desenvolvido pela Esalq/USP.

Atualmente, apenas 23% da área agrícola brasileira possui algum nível de cobertura por internet, mostrou o levantamento.

Em um primeiro cenário de expansão, seria aproveitada a capacidade de transmissão de 4.400 torres já existentes no Brasil. Isso permitiria ampliar a cobertura atual dos atuais 23% para 48%, capaz de proporcionar um aumento de 4,5% do VBP com ganho de produtividade, projetado em 47,56 bilhões de reais.

Um segundo cenário compreende a instalação de 15.182 novas torres, que seriam suficientes para suprir uma cobertura final de 90% da demanda de conectividade no campo e trariam um acréscimo de 9,6% no VPB —101,47 bilhões de reais.

"Nosso produtor rural demanda tecnologia e está apto para continuar recebendo mais inovação. A conectividade promove o avanço tecnológico no campo. E também promove uma aproximação real do meio rural com os grandes centros urbanos", disse a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, em evento online para lançamento do estudo.

Ela ainda disse que a conectividade pode tornar o agronegócio mais moderno e é uma estratégia para atrair os jovens para o campo. "Nossa população rural está envelhecida e a maneira de trazer o jovem para o campo é com a tecnologia".

A ministra também entregou o levantamento ao ministro das Comunicações, Fábio Faria, e ressaltou que a análise balizará ações inéditas para ampliação da conectividade rural a partir de tecnologias de internet banda larga como o modelo satélite, cabo de fibra ótica e telecom, que inclui a nova geração 5G.

Para começar a ser utilizada no Brasil, a tecnologia 5G aguarda leilão da nova geração de internet, previsto para o segundo semestre deste ano. Enquanto isso, 20 projetos-pilotos serão implementados pelo Ministério das Comunicações, sendo sete deles em áreas rurais.

"Temos a necessidade de implementação dessa tecnologia para universalizar a cobertura móvel na área rural", disse no evento o ministro das Comunicações.