PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Ações da China recuam após dados de inflação

09/07/2021 07h40

XANGAI (Reuters) - As ações da China fecharam em baixa nesta sexta-feira após dados mostrarem que a inflação anual ao produtor no país permaneceu alta e destacou a crescente pressão à economia.

Os principais índices praticamente não se mexeram na semana depois de a indicação inesperada de afrouxamento monetário ter falhado em fornecer suporte, levantado preocupações sobre a recuperação econômica chinesa.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,37%, enquanto o índice de Xangai teve baixa de 0,04%.

O CSI300 perdeu 0,2% na semana, enquanto o SSEC ganhou 0,2%.

A inflação no portão das fábricas da China desacelerou em junho após uma ofensiva do governo contra a alta dos preços das commodities, mas a taxa anual permaneceu alta e destacou a crescente pressão à economia conforme Pequim tenta impulsionar a retomada pós-coronavírus.

A China anunciou nesta sexta-feira que vai reduzir a quantidade de dinheiro que os bancos precisam manter como reserva, liberando cerca de 1 trilhão de iuanes (154,19 bilhões de dólares) em liquidez de longo prazo para sustentar a recuperação econômica pós-Covid que começa a perder força.

As ações de tecnologia brilharam esta semana, com o STAR50 de Xangai registrando a nona semana de ganhos.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,63%, a 27.940 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,70%, a 27.344 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,04%, a 3.524 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,37%, a 5.069 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 1,07%, a 3.217 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,15%, a 17.661 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,77%, a 3.131 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,93%, a 7.273 pontos.