PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

Ibovespa mostra indefinição em dia de vencimento de opções sobre ações

16/07/2021 11h06

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa não mostrava uma tendência clara nesta sexta-feira, marcada pelo vencimento de opções sobre ações e um ambiente relativamente favorável no exterior, com alta discreta nas bolsas norte-americanas e avanço nos preços do petróleo.

Às 10:58, o Ibovespa caía 0,06 %, a 127.387,24 pontos, caminhando para um desempenho positivo na semana. Na máxima, mais cedo, chegou a 128.010,15 pontos. O volume financeiro no pregão somava 4 bilhões de reais.

Em Wall Street, o S&P 500 subia 0,1%, em meio a crescimento surpreendente nas vendas no varejo dos Estados Unidos no mês passado, o que beneficiava ações atreladas ao comportamento da atividade econômica.

Na visão do estrategista-chefe do banco digital Modalmais, Felipe Sichel, o dado reforça a tese de volatilidade nos indicadores econômicos na medida em que a reabertura da economia se solidifica.

Ele não descarta que a reintrodução de algumas normas sanitárias por conta da variante Delta do coronavírus possa ter impacto nas próximas leituras.

DESTAQUES

- MAGAZINE LUIZA ON subia 1,6%, ampliando os ganhos da véspera, após anunciar aquisição bilionária do KaBuM! e oferta de ações. Das empresas com forte atuação no e-commerce, destaque também para B2W ON, que valorizava-se 4,2%.

- EZTEC ON mostrava alta de 0,85%, após prévia operacional do segundo trimestre, com crescimento de 20,7% nas vendas líquidas. MRV ON, que também reportou seus números, subia 0,8%.

- MINERVA ON tinha elevação de 1,8%, acompanhada de perto pela rival MARFRIG ON, em alta de 1,3%. Ainda no setor de proteínas, BRF ON subia 1% e JBS ON mostrava acréscimo de 0,35%.

- PETROBRAS PN registrava acréscimo de 0,3%, alinhada à trajetória positiva dos preços do petróleo no mercado internacional. PETROBRAS ON subia 0,1%.

- VALE ON cedia 0,8%, mesmo com a alta dos preços do petróleo no exterior, em sessão negativa para os papéis do setor de mineração e siderurgia, com CSN ON recuando 1,5%.

- ITAÚ UNIBANCO PN avançava 0,1% e BRADESCO PN cedia 0,2%, com performance mista no setor. BTG PACTUAL UNIT mostrava o pior desempenho entre os bancos do Ibovespa, com queda de 1,8%.

- EMBRAER ON caía 1,5%, engatando a quarta queda seguida e ampliando a perda no mês para cerca de 4,5%, após valorização de mais de 9% em junho.

(Por Paula Arend Laier)