PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Júri dos EUA acusa executivos da Pilgrim's Pride por cartel no mercado de frango

29/07/2021 15h23

Por Jason Lange e Diane Bartz

WASHINGTON (Reuters) - Um grande júri federal dos Estados Unidos acusou formalmente quatro atuais e ex-executivos da Pilgrim's Pride Corp, uma das maiores produtores de aves, por sua participação em um esquema de cartel no mercado de frango, afirmou o Departamento da Justiça nesta quinta-feira.

A Koch Foods, uma empresa de frangos de Illinóis, também foi acusada por supostamente fazer parte de uma conspiração para fixar os preços dos produtos de frango de corte, disse o departamento. Koch não respondeu imediatamente a um pedido por comentário.

Os quatro executivos da Pilgrims Pride acusados foram Jason McGuire, um ex-vice-presidente executivo de vendas, e Timothy Stiller, um ex-gerente geral, junto com os executivos de vendas Wesley Tucker e Justin Gay, disse o departamento.

A própria Pilgrim's Pride se declarou culpada em fevereiro e foi condenada a pagar uma multa de 107,9 milhões de dólares para liquidar as acusações federais, que conspirou para fixar os preços do frango e repassou os custos aos consumidores e outros compradores.

(Reportagem de Jason Lange e Diane Bartz)

((Tradução Redação São Paulo, 55 11 56447745))

REUTERS LM MN

PUBLICIDADE