PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

BOLSA ÁSIA-Ações da China têm maior queda em 3 semanas em meio a crise econômica e nova repressão a tecnologia

17/08/2021 07h48

(Reuters) - Os principais índices acionários da China caíram à taxa mais acentuada em três semanas nesta terça-feira, com uma perspectiva econômica sombria pesando sobre as ações cíclicas e ligadas ao consumo, enquanto um novo aperto regulatório atingiu as empresas de tecnologia.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, recuou 2,1%, enquanto o índice de Xangai teve queda de 2%. Ambos os índices tiveram seu pior dia desde 27 de julho.

A forte desaceleração na produção industrial e nas vendas no varejo da China em julho afetou a confiança.

"Projetamos que o crescimento desacelere ainda mais nos próximos meses", disse Zhiwei Zhang, economista-chefe da Pinpoint Asset Management.

Reduzindo ainda mais o apetite pelo risco, a China passou a endurecer o controle de seu setor de tecnologia, publicando regras detalhadas nesta terça-feira com o objetivo de combater a concorrência desleal e a administração de dados críticos pelas empresas.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,36%, a 27.424 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,66%, a 25.745 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 2,00%, a 3.446 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 2,10%, a 4.837 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,89%, a 3.143 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,17%, a 16.661 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,86%, a 3.118 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,94%, a 7.511 pontos.

PUBLICIDADE