PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Preços do petróleo recuam com avanço dos estoques dos EUA, apesar do lento aumento na oferta da Opep

29/09/2021 16h51

Por David Gaffen

NOVA YORK (Reuters) - Os preços do petróleo caíram nesta quarta-feira depois que os estoques da commodity dos Estados Unidos aumentaram mais do que o previsto, mesmo com os planos da Opep de manter sua abordagem deliberada para adicionar oferta ao mercado.

Os estoques de petróleo dos EUA aumentaram 4,6 milhões de barris na semana passada, superando as expectativas, impulsionados por uma recuperação na produção, à medida que as instalações marítimas, fechadas devido à dois furacões no Golfo dos EUA, retomaram as atividades.

O petróleo Brent fechou em queda de 0,45 dólar para 78,64 dólares o barril, após atingir 80 dólares na terça-feira. Os preços do petróleo dos EUA caíram 0,46 dólar, ou 0,6%, para 74,83 dólares o barril.

Os preços do petróleo estão se firmando mais à medida que as economias se recuperam dos 'lockdowns' da pandemia e aumentam a demanda por combustível, enquanto alguns países produtores têm visto interrupções no fornecimento.

Os estoques de petróleo, gasolina e destilados dos EUA aumentaram na semana passada, de acordo com o Departamento de Energia do país. A produção dos EUA aumentou para 11,1 milhões de barris por dia, quase alinhada com a produção antes da chegada do furacão Ida, há cerca de um mês.

"A produção está voltando, mas não está onde deveria estar", disse Phil Flynn, trader do Price Futures Group.

A Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados, incluindo a Rússia, conhecida como Opep+, provavelmente manterão um acordo existente para adicionar 400 mil barris por dia (bpd) à sua produção em novembro quando se reunirem na próxima semana, disseram fontes, apesar da pressão dos consumidores para mais oferta.

(Reportagem de Aaron Sheldrick)

PUBLICIDADE