PUBLICIDADE
IPCA
1,16 Set.2021
Topo

Pacheco diz ser muito difícil votação de mudanças do IR em outubro

01/10/2021 14h20

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), disse nesta sexta-feira que dificilmente a Casa irá votar o projeto do novo Imposto de Renda ainda no mês de outubro, como esperava a equipe econômica do governo.

"Acho difícil IR chegar ao plenário ainda em outubro, mas vamos trabalhar por isso, mas ainda há o amadurecimento na Comissão de Assuntos Econômicos, não é uma tarefa fácil", disse Pacheco em entrevista à Rádio Gaúcha.

O senador afirmou ainda que serão feitas audiências públicas na CAE sobre as mudanças no IR, antes de que se possa aprovar o relatório e levar a plenário. E tampouco quis prever quais as chances do projeto ser aprovado em plenário como está.

Pacheco disse ainda que está procurando alternativas de financiamento para a expansão do Bolsa Família, e criticou a apostas do governo nas mudanças do IR para financiar o programa.

"Tenho buscado alternativas porque acho temerário apostar todas as fichas projeto social tão importante em um projeto que sequer foi aprovado ainda", disse.

A incerteza sobre a aprovação dos projetos fez com que surgissem pressões no Congresso para que o governo estenda mais uma vez o auxílio emergencial, que se encerra agora em outubro.

Mais tarde, em discurso no Palácio do Planalto, o ministro da Economia, Paulo Guedes, cobrou "ajuda" do Congresso com a aprovação do projeto do IR e da Proposta de Emenda à Constituição que permite o adiamento e o parcelamento dos pagamento dos precatórios.

O governo diz que precisa de ambas para bancar o aumento do Bolsa Família.

(Reportagem de Lisandra Paraguassu)

PUBLICIDADE