PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Ações europeias têm melhor semana em 2 meses

08/10/2021 13h44

Por Sruthi Shankar e Susan Mathew

(Reuters) - As ações europeias encerraram a volátil sessão desta sexta-feira em baixa, com investidores digerindo dados mostrando desaceleração do crescimento do emprego nos EUA, mas ainda assim o mercado europeu teve sua melhor semana em dois meses, com amenização de temores sobre inflação.

O Departamento de Trabalho dos EUA divulgou abertura líquida de 194 mil postos de trabalho no mês passado, abaixo da expectativa de 500 mil. Embora o número das manchetes tenha sido um grande desapontamento, analistas disseram que, excluindo fatores ajustados sazonalmente, o dado não foi muito decepcionante.

O índice pan-europeu STOXX 600 zerou brevemente as perdas da sessão (que chegaram a 0,5%) após a divulgação dos números, mas voltou a cair e fechou em baixa de 0,28%, aos 457,29 pontos.

"Os dados da folha de pagamento vieram mais fracos do que o esperado, mas a tendência geral de melhoria do mercado de trabalho permanece intacta", disse Sameer Samana, estrategista sênior de mercado global do Wells Fargo Investment Institute.

As ações dos setores de petróleo e automotivo lideraram as altas na Europa, mas os ganhos foram ofuscados pela queda de 1,4% nos papéis de tecnologia, já que o aumento dos rendimentos dos títulos minou o apelo do setor --tido como de alto crescimento, portanto, com forte dependência de fluxos de caixas futuros, os quais são impactados pela perspectiva de aumento nos juros.

O índice STOXX 600 subiu 1% na semana, com alívio após a elevação temporária do teto da dívida dos EUA e na esteira de alguma acomodação nos preços do petróleo e do gás após um rali recente que desencadeou preocupações com a inflação.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,25%, a 7.095,55 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,29%, a 15.206,13 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 0,61%, a 6.559,99 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,23%, a 26.051,01 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou baixa de 0,09%, a 8.955,00 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 desvalorizou-se 0,29%, a 5.514,79 pontos.

PUBLICIDADE