PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Banco Mundial pretende substituir relatório cancelado "Doing Business" em dois anos

10/11/2021 11h52

Por Andrea Shalal

WASHINGTON (Reuters) - O Banco Mundial planeja apresentar em cerca de dois anos um substituto para seu relatório "Doing Business" sobre o clima de negócios dos países, que foi cancelado após escândalo de manipulação de dados, afirmou à Reuters a economista-chefe, Carmen Reinhart.

Reinhart, que foi promovida a gerente sênior como parte da tentativa do banco de reconstruir sua credibilidade após as preocupações relacionadas a ética, disse que alguns conceitos importantes para o novo produto já estão claros.

Isso inclui um mandato para mais transparência sobre a metodologia, maior confiabilidade em dados de pesquisa das empresas e menos foco em ranquear os países.

"A divulgação pública é um pilar importante para restaurar a credibilidade", disse Reinhart.

O banco também enfatizará os dados de pesquisa para reduzir o papel do julgamento e eliminar o aspecto de "concurso de beleza" das classificações.

Em setembro, a diretoria do banco cancelou a publicação da classificação anual "Doing Business" após uma análise externa de irregularidades de dados nas versões de 2018 e 2020 alegar que funcionários de alto escalão do banco -- incluindo a então presidente-executiva Kristalina Georgieva, que agora dirige o Fundo Monetário Internacional (FMI) -- pressionaram funcionários para fazer alterações.

O conselho do FMI apoiou Georgieva após uma longa revisão das alegações, mas ela ainda pode ser envolvida na segunda revisão.

Reinhart disse que a saga abalou a credibilidade do Banco Mundial e que levará tempo e esforço para reconstruir a confiança.

"É importante que as métricas de credibilidade não sejam baseadas na personalidade, mas sim nos sistemas", disse ela, acrescentando que o banco instituiu "muitas salvaguardas" no ano passado, após revisar vários relatórios externos.

"Nada na vida é à prova de falhas, mas reduz a capacidade de uso indevido e abuso", disse ela. "Esperançosamente, a credibilidade virá. Você sabe, credibilidade é algo difícil de estabelecer e fácil de perder. Mas o tempo dirá."

(Por Andrea Shalal)

PUBLICIDADE