PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Wall St recua após alta dos preços ao consumidor alimentar temores de inflação

10/11/2021 13h11

Por Shreyashi Sanyal e Devik Jain

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street abriram em baixa nesta quarta-feira, com um aumento nos preços ao consumidor dos Estados Unidos no mês passado aprofundando temores de que a inflação alta veio para ficar em meio a gargalos no lado da oferta.

O relatório do Departamento do Trabalho mostrou que nos 12 meses até outubro o índice de preços ao consumidor aumentou 6,2%, o maior avanço em relação ao mesmo período do ano anterior desde novembro de 1990.

"Mesmo que o Federal Reserve acredite que a inflação é transitória, estão começando a se acumular evidências de que isso não é verdade", disse Rick Meckler, sócio da Cherry Lane Investments.

O relatório vem um dia após dados sobre os preços ao produtor mostrarem um aumento sólido em outubro e evidencia como os fabricantes estão repassando os custos mais altos aos consumidores, cujos gastos representam 70% da economia dos EUA.

Um importante índice de volatilidade de Wall Street, que mede o nervosismo dos investidores, atingiu seu nível mais alto em quase um mês.

Seis dos 11 principais setores do S&P 500 caíam nesta quarta-feira, com os papéis de tecnologia e energia ficando entre os principais declínios.

Às 13h07 (horário de Brasília), o índice Dow Jones recuava 0,13%, a 36.272,77 pontos. O S&P 500 cedia 0,08%, a 4.681,36 pontos, enquanto o Nasdaq caía 0,33%, a 15.834,36 pontos.

PUBLICIDADE