PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Ações europeias registram novos recordes, mineradoras têm queda

15/11/2021 15h58

Por Anisha Sircar e Shreyashi Sanyal

(Reuters) - As ações europeias atingiram outro pico recorde nesta segunda-feira, depois que comentários da presidente do Banco Central Europeu (BCE), Christine Lagarde, ajudaram a conter as apostas de uma política monetária mais rígida, enquanto uma queda nos papéis das mineradoras contiveram os ganhos.

Lagarde, disse que a alta da inflação corrente será mais longa do que o previsto mas que diminuirá no próximo ano, portanto a ação de política monetária agora atingirá a economia no momento em que o crescimento dos preços começar a moderar por conta própria.

O índice continental STOXX 600 subiu 0,4%, enquanto o índice DAX da Alemanha subiu 0,3%, com ambos atingindo novos recordes.

"Os comentários da presidente do BCE, Lagarde, destacaram a persistência da abordagem dovish (inclinada a uma política monetária mais frouxa) em face das pressões inflacionárias, com a primeira alta ainda prevista para 2023", disse Joshua Mahony, analista de mercado sênior do IG.

O índice francês de blue-chips CAC 40 também atingiu um recorde histórico, subindo 0,5% com uma alta da Airbus. A fabricante de aviões europeia recebeu um pedido multibilionário de 255 jatos de passageiros A321neo das companhias aéreas do portfólio da empresa de private equity Indigo Partners.

O STOXX 600 marcou uma série de recordes de alta neste mês, à medida que fortes lucros corporativos e decisões mais amenas de política monetária de bancos centrais elevaram a confiança dos investidores, ajudando a tirar o foco de um ressurgimento da Covid-19 na região.

Enquanto isso, o índice europeu de recursos básicos caiu 1,1%, à medida que os preços dos metais despencaram com a promessa da China de "reduzir gradualmente" o carvão na cúpula da COP26.

Dados do início do dia mostraram que as vendas no varejo e o crescimento da produção industrial no mês passado na segunda maior economia do mundo superaram as expectativas, alimentando o otimismo dos investidores globais.

O governo austríaco tornou-se no domingo o primeiro país europeu a restabelecer um novo bloqueio, colocando milhões de pessoas não vacinadas sob restrições em meio a taxas de infecção recordes.

PUBLICIDADE