PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Ibovespa recua com Vale e ajustes na volta de feriado

16/11/2021 11h35

SÃO PAULO (Reuters) - O Ibovespa recuava nesta terça-feira, refletindo algum movimento de realização de lucros após duas semanas de alta, com Vale entre as maiores pressões negativas na esteira da queda dos futuros do minério de ferro.

O pregão ainda é marcado por ajustes ao movimento de ADRs (recibos de ações negociadas nos Estados Unidos) brasileiros na véspera, quando não houve negociação na bolsa paulista em razão de feriado no Brasil.

Às 11:31, o Ibovespa caía 1,06 %, a 105.203,48 pontos. O volume financeiro era de 5,6 bilhões de reais.

Na sexta-feira, o Ibovespa caiu mais de 1%, ainda assim, engatou a segunda semana seguida de alta e ampliou a alta em novembro para 2,7%, o que abria espaço para alguma realização de lucros.

Nesta terça-feira, investidores ainda analisam o IBC-Br, considerado uma prévia do PIB, que mostrou contração da atividade econômica brasileira em setembro pelo segundo mês seguido, indicando chance de recessão técnica.

Em mais um dado desfavorável sobre a economia do país, o vendas no varejo brasileiro apuradas pelo ICVA, da Cielo, recuaram 0,8% em outubro ano a ano, descontada a inflação, interrompendo sequência de 6 meses de crescimento.

A temporada de balanços de empresas brasileiras, por sua vez, caminha para o final, com os números de Eletrobras e Méliuz previstos para após o fechamento do pregão nesta terça-feira.

Análise técnica da equipe do Itaú BBA destacou que, apesar da melhora recente, o Ibovespa somente confirmará uma nova tendência de alta quando ultrapassar os 114.500 pontos.

No exterior, Wall Street abria com oscilações discretas, tendo de pano de fundo perspectivas positivas do Walmart e crescimento acima do esperado das vendas no varejo nos EUA, mas salto em preços de importados.[nL1N2S71ED]

DESTAQUES

- VALE ON tinha queda de 1,3%, com os futuros do minério de ferro de referência fechando em queda em Dalian, com outras ações do setor de mineração e siderurgia no Ibovespa experimentando uma sessão mais fraca . GERDAU PN era exceção e subia 0,3%.

- AMERICANAS ON recuava 6,1% após forte alta na sexta-feira, na sequência do balanço do terceiro trimestre No setor, MAGAZINE LUIZA ON perdia 4,75%, ampliando as perdas do último pregão, quando desabou 18% também sob efeito do resultado. VIA ON caía 5,15%.

- PETROBRAS PN perdia 0,3%, conforme os preços do petróleo passaram a trabalhar no território negativo.

- COSAN ON caía 2,8%, revertendo o sinal mais positivo da abertura, mesmo após divulgar lucro líquido de 3,26 bilhões de reais no terceiro trimestre, ante 222,9 milhões registrados no mesmo período do ano anterior, no maior desempenho de sua história.

- GPA ON valorizava-se 4,3%, experimentando uma recuperação após acumular até a última sexta-feira declínio de 8% em novembro. CARREFOUR BRASIL ON subia 0,4%.

(Por Patricia Vilas Boas, com reportagem adicional de Paula Arend Laier)

PUBLICIDADE