PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Câmara dos EUA adia votação sobre projeto de US$1,75 tri após discurso de horas

19/11/2021 08h11

Por Richard Cowan e David Morgan e Moira Warburton

WASHINGTON (Reuters) - A votação de um projeto de gastos sociais do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, de 1,75 trilhão de dólares foi adiada para esta sexta-feira na Câmara dos Deputados do país, depois que o líder da minoria republicana na Casa, Kevin McCarthy, fez um discurso que durou horas.

A votação estava originalmente marcada para quinta-feira, depois que o Escritório de Orçamento do Congresso, um árbitro não partidário, divulgou uma avaliação de custos do projeto. Isso era algo que vários democratas moderados disseram ser necessário para que pudessem votar.

Mas a votação foi adiada para esta sexta-feira depois que McCarthy discursou --parecendo muitas vezes perder-se-- por mais de quatro horas, algumas vezes gritando com democratas da Casa que se mostravam abertamente indiferentes à sua obstrução.

Os democratas na Câmara tentam avançar com o projeto de investimento doméstico, apesar de o Escritório do Orçamento ter dito que ele vai aumentar o déficit.

"Para mim já chega. Para a América já chega", disse McCarthy em seu discurso, que catalogou uma lista de queixas republicanas, algumas relacionadas ao projeto, outras não.

(Reportagem adicional de Andrea Shalal)

PUBLICIDADE