PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Japão divulga pacote de estímulo e vai contra tendência global

19/11/2021 08h54

Por Leika Kihara e Tetsushi Kajimoto

TÓQUIO (Reuters) - O Japão apresentou nesta sexta-feira um pacote de gastos recorde de 490 bilhões de dólares, indo contra uma tendência global de retirada das medidas de estímulo da crise e ampliando a tensão em suas finanças.

Os gastos no país dispararam devido a uma série de pagamentos, incluindo aqueles criticados por não terem relação com a pandemia, e deverá levar a emissões adicionais de títulos neste ano.

Os fortes gastos vão ressaltar a determinação do primeiro-ministro, Fumio Kishida, que já foi considerado um conservador em relação ao fiscal, de se concentrar em reanimar a economia e redistribuir a renda para as famílias.

O pacote, finalizado em uma reunião de gabinete nesta sexta-feira, inclui 55,7 trilhões de ienes (490 bilhões de dólares) em gastos para itens como pagamento em dinheiro a famílias, subsídios a empresas afetadas pela Covid e reservas para gastos emergenciais da pandemia.

O tamanho dos gastos foi muito maior do que os 30 trilhões a 40 trilhões de ienes estimados pelo mercado, e será financiado principalmente por um orçamento extra de cerca de 32 trilhões de ienes a ser compilado este ano. O restante provavelmente será financiado pelo orçamento do próximo ano.

O pacote total, que inclui fundos que não levam a gastos imediatos, deve alcançar 78,9 trilhões de ienes.

(Reportagem de Takaya Yamaguchi, Daniel Leussink e Kantaro Komiya)

PUBLICIDADE