PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Carvão e coque sobem em Dalian com temores por oferta; minério de ferro recua

14/12/2021 08h24

PEQUIM (Reuters) - Os futuros do carvão metalúrgico e do coque chineses subiram nesta terça-feira, liderados por um salto de mais de 6% no carvão metalúrgico devido às preocupações com a oferta alimentadas pelas importações do ingrediente permanecendo em níveis relativamente baixos.

"Afetados pela situação de pandemia no país e no exterior, o desembaraço aduaneiro de carvão metalúrgico da Mongólia está em níveis baixos", disseram analistas da GF Futures em uma nota, acrescentando que o transporte rodoviário de carvão ainda não se recuperou totalmente.

Os contratos futuros de carvão metalúrgico mais negociados na bolsa de Dalian, para entrega em maio, subiram até 6,2%, para 2.077 yuans (326,34 dólares) por tonelada. Eles fecharam com alta de 3%, para 2.015 yuans por tonelada.

Os preços do coque na bolsa de Dalian avançaram 2,1%, para 2.968 yuans por tonelada.

Já os futuros de minério de ferro caíram 0,6%, para 651 yuans por tonelada no fechamento do mercado, recuando de um salto anterior de 3,5%.

Os preços spot do minério de ferro com 62% de teor de ferro para entrega à China, compilados pela consultoria SteelHome, avançaram de 7 para 115 dólares por tonelada na segunda-feira.

Os preços do aço na Bolsa de Futuros de Xangai foram negociados em alta na sessão da manhã, já que a política monetária e a postura recentes de Pequim trouxeram esperanças de recuperação da demanda por aço no primeiro semestre de 2022, de acordo com a GF Futures.

(Reportagem de Min Zhang em Pequim e Enrico Dela Cruz em Manila)

PUBLICIDADE