PUBLICIDADE
IPCA
0,73 Dez.2021
Topo

Wall St cai após dados de emprego dos EUA; setor de tecnologia volta a pressionar

07/01/2022 11h48

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street caíam nesta sexta-feira, após dados mais fracos do que o esperado sobre a criação de vagas de trabalho nos Estados Unidos no mês passado, mas que a princípio não tiram o banco central norte-americano do caminho de elevação de juros.

Um relatório do Departamento do Trabalho mostrou que a criação de vagas fora do setor agrícola, em termos líquidos, foi de 199 mil em dezembro, bem abaixo do esperado, embora a taxa de desemprego tenha caído a 3,9%, ante 4,2% em novembro, ressaltando aperto nas condições do mercado de trabalho.

Economistas consultados pela Reuters previam criação de 400 mil postos de trabalho em dezembro.

"Esse relatório de emprego continua a enfatizar a ideia de que o Fed terá que combater a inflação em um mercado de trabalho apertado", disse Michael Arone, estrategista-chefe de investimentos da State Street Global Advisors em Boston.

Contratos futuros de juros norte-americanos passaram a indicar 90% de chance de aperto de 25 pontos-base pelo Fed em sua reunião de março e pelo menos três aumentos de juros até o fim do ano.

Apple Inc, Microsoft Corp, Meta Platforms Inc, Amazon.com Inc e Tesla Inc chegaram a subir mais cedo, mas sucumbiram à piora do sentimento e caíam no começo da tarde entre 0,3% e 2,2%.

Às 13:14 (horário de Brasília), o índice Dow Jones caía 0,2%, a 36.164,34 pontos, enquanto o S&P 500 perdia 0,57%, a 4.669,45 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite recuava 1,04%, a 14.923,36 pontos.

Todos os três principais índices de Wall Street caminham para registrar queda semanal.

(Reportagem de Devik Jain em Bengaluru)

PUBLICIDADE