PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Ibovespa sobe atento a Orçamento; dia é de vencimento de opções

21/01/2022 12h06

(.)

Por Andre Romani

SÃO PAULO (Reuters) - O principal índice da bolsa brasileira buscava firmar nova alta nesta sexta-feira, a quarta consecutiva, em meio a mais um pregão negativo para as ações em Nova York.

A sessão é marcada por vencimento de opções sobre ações na B3, além de vencimento também em Wall Street, o que pode trazer maior volatilidade.

A recuperação dos papéis de bancos em relação à queda na véspera ajudava o índice local, assim como as varejistas, que estendiam altas recentes. As exportadoras de commodities operavam no negativo.

Às 11:46, o Ibovespa subia 0,4%, a 109.535,32 pontos, após operar entre perdas e ganhos mais cedo. O índice caminhava para segunda semana de alta. O volume financeiro da sessão era de 7,3 bilhões de reais.

O Ibovespa mantinha performance superior a dos três principais índices de Wall Street vista recentemente. S&P 500 pode fechar sua quarta sessão e terceira semana consecutiva no negativo.

O mercado local aguardava a sanção do Orçamento de 2022 pelo presidente Jair Bolsonaro, cujo prazo se esgota nesta sexta-feira, de olho na potencial inclusão de reajustes salariais a categorias do funcionalismo.

O presidente deu sinais contrastantes sobre o assunto nas últimas semanas e manteve a pauta em aberto.

O Congresso Nacional reservou no Orçamento de 2022 aprovado um aumento para três categorias da segurança pública federal, mas o texto precisa da sanção de Bolsonaro para ser efetivado. Outras categorias do funcionalismo, como servidores do Banco Central, se mobilizaram nesta semana em pressão para serem incluídas nos potenciais reajustes.

Os índices de ações caíam nos Estados Unidos logo após a abertura, com investidores mantendo a política monetária do país no radar, já que a próxima reunião do banco central norte-americano sobre o assunto ocorre na semana que vem. O mercado espera sinais de uma alta na taxa de juros do país tão cedo quanto março.

Papéis da Netflix desabavam, após companhia divulgar projeções que decepcionaram investidores.

Na Europa, índice pan-europeu STOXX 600 recuava pela manhã, podendo registrar o terceiro declínio semanal seguido.

DESTAQUES

- VIA ON subia 6,7%, MAGAZINE LUIZA ON avançava 5,4% e AMERICANAS ON e LOJAS AMERICANAS PN subiam 2,6% e 2,8%, respectivamente. As quatro ações ganhavam pela terceira sessão consecutiva.

- ITAÚ UNIBANCO PN subia 0,5%, BRADESCO PN avançava 0,1%, SANTANDER BRASIL UNIT tinha alta de 2,4% e BANCO DO BRASIL ON ganhava 0,7%, após setor ter performance negativa na véspera.

- VALE ON cedia 0,8%, mesmo após nova alta do minério de ferro na China, que subiu 3% em Dalian e registrou terceiro ganho semanal consecutivo. Siderúrgicas também caíam, com GERDAU PN recuando 2,2% e queda de 1,5% de USIMINAS PN. Novos estímulos monetários alimentaram expectativas de demanda mais forte, mas os preços internacionais do aço seguem limitados por cortes de produção em usinas no exterior.

- PETROBRAS PN subia 0,3% e ON avançava 0,4%, enquanto PETRORIO ON cedia 1,6%. Preços do petróleo estendiam queda da véspera, após tocarem maior patamar em sete anos mais cedo nesta semana. A commodity é pressionada por realização de lucros e elevação no estoques nos EUA.

- CVC ON reverteu perdas iniciais e subia 0,2%, após alta nas reservas no quarto trimestre, mas a empresa apontou desaceleração em dezembro por conta da variante Ômicron da Covid-19. A ação disparou mais de 10% na véspera, em sua maior alta desde março de 2021.

- ELETROBRAS ON e PN subiam 1,9% cada, após empresa convocar assembleia de acionistas para deliberar sobre privatização.

- HAPVIDA ON subia 3,6% e INTERMÉDICA ON avançava 3,1%, depois que Intermédica anunciou 1 bilhão de reais em dividendos extraordinários, condicionado ao fechamento da operação entre as duas companhias, o que deve ocorrer em 11 de fevereiro. A ação da empresa combinada estreia no dia 14 do mesmo mês.

- LOJAS RENNER ON subia 1,5%, após a companhia aprovar programa de recompra de até 18 milhões de ações e anunciar Daniel Martins dos Santos como novo diretor financeiro.

- ALLIAR ON, que não está no Ibovespa, caía 3,6%. A Superintendência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a venda de ações por seus acionistas controladores a um fundo ligado ao empresário Nelson Tanure.