PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Ações da China se recuperam de mínimas de 15 meses após pedido de apoio da mídia estatal

26/01/2022 07h34

XANGAI (Reuters) - As ações da China fecharam em alta nesta quarta-feira, com as blue-chips recuperando-se de mínima de 15 meses atingida na sessão anterior, depois que a mídia estatal pediu às instituições financeiras e fundos de pensão que ajudem a estabilizar os mercados.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,72%, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,66%.

"O recente desempenho fraco no mercado acionário é uma reação exagerada a notícias negativas", disse em editorial o Securities Daily, que é apoiado pelo Estado.

O Daily acrescentou que as instituições financeiras deveriam assumir a responsabilidade de manter o desenvolvimento contínuo e sustentável do mercado de capitais da China.

O setor de consumo básico subiu 1,1%, o de corretoras teve alta de 1,8% e o de maquinário saltou 2,2%.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 0,44%, a 27.011 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,19%, a 24.289 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,66%, a 3.455 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,72%, a 4.712 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,41%, a 2.709 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,15%, a 17.674 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,73%, a 3.271 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 2,49%, a 6.961 pontos.