PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Crescimento do crédito é ofuscado por inflação nos EUA e ações da China fecham em baixa

11/02/2022 07h48

XANGAI (Reuters) - As ações chinesas fecharam em baixa nesta sexta-feira uma vez que o crescimento mais rápido do crédito em janeiro falhou em melhorar o sentimento do investidor, enquanto preocupações com altas mais agressivas dos juros nos Estados Unidos após dados fortes de inflação também pesaram.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, caiu 0,83%, enquanto o índice de Xangai teve baixa de 0,66%.

Na semana, o CSI300 avançou 0,8%, enquanto o índice de Xangai saltou 3%, maior taxa em cinco meses.

Os novos empréstimos bancários na China mais do que triplicaram em janeiro sobre o mês anterior, superando as expectativas e atingindo máxima recorde.

Nos EUA, os preços ao consumidor tiveram a maior alta anual em 40 anos, o que pode alimentar a especulação do mercado de um aumento de 50 pontos básicos nos juros pelo Federal Reserve no próximo mês.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei permaneceu fechado.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 0,07%, a 24.906 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,66%, a 3.462 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,83%, a 4.601 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,87%, a 2.747 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,15%, a 18.310 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,03%, a 3.428 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,98%, a 7.217 pontos.