PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Aço inoxidável avança na bolsa de Xangai; futuros do minério de ferro caem

16/02/2022 08h50

Por Enrico Dela Cruz

(Reuters) - Os contratos futuros do aço inoxidável negociados na China saltaram para seu maior nível em mais de três meses nesta quarta-feira, impulsionados pelos altos custos de insumos e otimismo sobre a demanda, enquanto o minério de ferro permaneceu pressionado pelos esforços sustentados de Pequim para conter quaisquer irregularidades no mercado.

O aço inoxidável mais negociado para entrega em março na Bolsa de Futuros de Xangai encerrou as negociações diurnas em alta de 3,4%, a 19.295 iuanes (3.046,21 dólares) a tonelada, depois de atingir 19.355 iuanes, seu maior nível desde 27 de outubro.

O aço inoxidável de Xangai ganhou quase 12% este ano, superando outras commodities no complexo ferroso da China, principal consumidor de metais, já que os preços da principal matéria-prima, o níquel, subiram devido a preocupações com a oferta apertada.

A oferta sazonalmente restrita de minério de níquel das Filipinas, a maior fonte chinesa do material, também forneceu suporte aos preços, disseram eles.

Em contraste, o minério de ferro mais ativo de maio na bolsa de commodities de Dalian da China caiu 1,1%, para 720 iuanes por tonelada, estendendo as perdas para um terceiro dia.

Reguladores chineses vão se reunir com traders de minério de ferro em 17 de fevereiro em um esforço para garantir a estabilidade do mercado, após uma recente alta de preços. O minério de ferro de Dalian caiu 16% desde que atingiu um pico de cinco meses e meio na semana passada.

No mercado spot, o minério de ferro de 62% de referência caiu quase 11% em três sessões, atingindo 136 dólares a tonelada na terça-feira, mostraram dados da consultoria SteelHome. Nesta quarta-feira, tiveram alta de 4 dólares, a 140 dólares/tonelada.