PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Ações chinesas fecham em alta com alívio em restrições no setor imobiliário

18/02/2022 08h56

XANGAI (Reuters) - As ações da China fecharam em alta nesta sexta-feira, com incorporadoras imobiliárias liderando os ganhos, depois que mais cidades afrouxaram as regras de hipoteca para compradores de casas, enquanto investidores esperavam mais políticas para impulsionar a economia.

Na semana, o índice CSI300 ganhou 1,1%, maior alta em três meses, enquanto o Shanghai Composite subiu 0,8%.

Na região, o índice de ações MSCI na Ásia fora Japão caiu 0,43%.

Liderando os ganhos no mercado chinês, o índice imobiliário ganhou 2,18%, e o setor de energia subiu 2,25%.

Um punhado de cidades chinesas está começando a relaxar regras de pagamento inicial para compras de casas, em uma tentativa de reacender o interesse do comprador e colocar um piso nas economias locais enfraquecidas por uma repressão regulatória ao setor endividado.

O planejador estatal da China emitiu regras para promover uma recuperação mais rápida no setor de serviços, como incentivos fiscais para as indústrias de alimentação, varejo, turismo e aviação.

A principal autoridade das Finanças da China prometeu reduzir as taxas de impostos corporativos de forma mais expressiva, fortalecer os gastos fiscais direcionados e apertar a disciplina fiscal neste ano como parte dos esforços para estabilizar a macroeconomia antes do 20º Congresso do Partido Comunista.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei caiu 0,41%, aos 27.122,07 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,88%, a 24.327,71 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,66%, a 3.490,76 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,48%, a 4.651,24 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 0,02%, a 2.744,52 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 0,20%, a 18.232,35 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,37%, a 3.428,90 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 1,02%, a 7.221,70 pontos.