PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

Preços do petróleo ficam estáveis enquanto EUA não preveem sanções a exportações russas

Valor do barril fechou a 96,84 dólares - imaginima/Getty Images
Valor do barril fechou a 96,84 dólares Imagem: imaginima/Getty Images

23/02/2022 20h28Atualizada em 23/02/2022 21h12

Os preços do petróleo ficaram estáveis hoje, mantendo-se abaixo de máximas de 2014, já que as autoridades dos Estados Unidos indicaram que tensões entre Rússia e Ucrânia não devem resultar em sanções sobre o fornecimento de energia da Rússia, um dos maiores produtores de petróleo do mundo.

O petróleo Brent permaneceu estável, fechando a 96,84 dólares o barril, após tocar 99,50 dólares ontem, a máxima desde setembro de 2014.

O petróleo dos EUA (WTI) fechou em alta de 0,19 dólar, a 92,10 dólares o barril. Ontem, o WTI atingiu 96 dólares.

Os preços do petróleo subiram ontem por receios de que as sanções impostas por nações ocidentais à Rússia —depois de enviar tropas para duas regiões separatistas no leste da Ucrânia— possam afetar o fornecimento de energia.

As sanções impostas pelos Estados Unidos, União Europeia, Reino Unido, Austrália, Canadá e Japão se concentraram em bancos e elites russas, enquanto a Alemanha suspendeu a certificação de um gasoduto da Rússia.

Mas os Estados Unidos deixaram claro que as sanções acordadas e as que vierem a ser impostas não terão como alvo os fluxos de petróleo e gás.