PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

BC turco mantém juro em 14% apesar de aumento dos preços

17/03/2022 08h40

ANCARA (Reuters) - O banco central da Turquia deixou inalterada sua taxa básica de juros inalterada em 14% pelo terceiro mês consecutivo nesta quinta-feira, como esperado, mantendo a conduta de política monetária não ortodoxa do presidente do país, Tayyip Erdogan, apesar da pressão da guerra sobre os custos de energia.

A autoridade monetária reconheceu que o recente aumento da inflação foi em parte "impulsionado pelo aumento dos custos de energia resultantes da escalada do conflito regional".

Sob pressão de Erdogan, o banco central cortou os juros em 5 pontos percentuais entre setembro e dezembro do ano passado, para 14%.

Isso fez parte do foco do presidente no crédito, nas exportações e na reversão dos déficits em conta corrente, mas provocou uma crise cambial que elevou a inflação anual para 54% em fevereiro, corroendo as economias dos turcos.

Os preços subiram de forma generalizada após uma crise cambial que fez a lira perder 44% de seu valor em relação ao dólar no ano passado e mais 10% até agora em 2022.

(Por Ali Kucukgocmen e Ece Toksabay)