PUBLICIDADE
IPCA
1,06 Abr.2022
Topo

EUA não pretendem renegociar cota de aço com Coreia do Sul concedida na era Trump

23/03/2022 15h18

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos não planejam renegociar um acordo de cotas firmado com a Coreia do Sul no governo anterior, disse nesta quarta-feira a secretária de Comércio, Gina Raimondo, um dia após o país concordar em cortar tarifas sobre aço e alumínio britânicos.

"Eles meio que fecharam seu próprio acordo no último governo, com um acerto de cotas, então renegociar isso não é uma alta prioridade para nós agora", disse Raimondo à Reuters.

Autoridades sul-coreanas pressionaram por consultas com Washington após os EUA fecharem acordos com a União Europeia e o Japão, retirando tarifas sobre aço e alumínio. Na quarta-feira, o país acertou termos semelhantes com a Grã-Bretanha.

Mas em 2018, logo após o ex-presidente Donald Trump impor as tarifas da "Seção 232" de 25% sobre o aço importado, seu governo concordou em conceder a Seul uma cota anual de aço livre de impostos de até 2,68 milhões de toneladas métricas como parte dos termos para revisar o Acordo de Livre Comércio EUA-Coreia.

A cota da Coreia do Sul foi com base em 70% das exportações médias de aço do país para os EUA entre 2015 e 2017.

(Por Andrea Shalal)