PUBLICIDADE
IPCA
0,47 Mai.2022
Topo

Índices de China e Hong Kong sobem para máximas em 2 meses com esperanças de recuperação

08/06/2022 08h01

XANGAI (Reuters) - Os principais índices de ações da China e de Hong Kong fecharam em máximas de dois meses nesta quarta-feira, em meio à esperança de uma recuperação da demanda após o alívio de restrições da Covid-19, enquanto novas licenças para lançamento de jogos impulsionaram as empresas de tecnologia de Hong Kong.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, subiu 0,97%, a máxima desde 8 de abril, enquanto o índice de Xangai teve alta de 0,68%, ao maior nível desde 6 de abril.

O setor de bens de consumo do CSI liderou os ganhos, com alta de 2,01%, enquanto o subíndice do setor financeiro avançou 0,62% e o de saúde subiu 1,89%.

O índice Hang Seng, por sua vez, fechou em alta de 2,24%, a 22.014,59 pontos, seu fechamento mais forte desde 6 de abril.

Analistas do BNP Paribas disseram que os investidores em ações estavam mais otimistas com as políticas de estabilização do crescimento da China à medida que os bloqueios da Covid-19 eram reduzidos, ao mesmo tempo que mantinham alguma cautela.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,04%, a 28.234 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 2,24%, a 22.014 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,68%, a 3.263 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, avançou 0,97%, a 4.219 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,01%, a 2.626 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 0,95%, a 16.670 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 0,18%, a 3.225 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,36%, a 7.121 pontos.

(Por Andrew Galbraith)