PUBLICIDADE
IPCA
-0,68 Jul.2022
Topo

BC da China intensificará implementação de medidas para estimular crescimento

29/06/2022 08h35

PEQUIM (Reuters) - O banco central da China disse nesta quarta-feira que intensificará a implementação de uma política monetária prudente e manterá a liquidez razoavelmente ampla, em uma tentativa de apoiar a economia em desaceleração.

O Banco do Povo da China, em comunicado após a conclusão de uma reunião trimestral de seu comitê de política monetária, prometeu usar ferramentas de política agregada e estrutural para aumentar a confiança na economia.

"No momento o crescimento econômico global está desacelerando, a inflação está em um nível alto, os conflitos geopolíticos continuam e o ambiente externo está se tornando mais complexo e severo", disse o banco central.

"O desenvolvimento econômico está enfrentando pressões triplas de demanda encolhida, choque de oferta e expectativas enfraquecidas."

As condições favoráveis ​​da China de produção estável e elevada de grãos e um mercado de energia estável ajudarão a manter a inflação do país basicamente estável, disse o banco central.

A economia da China se recuperou até certo ponto, mas sua base não é sólida, disse primeiro-ministro Li Keqiang na terça-feira, segundo a mídia estatal.

O presidente do banco central, Yi Gang, disse nesta semana que a política monetária da China continuará sendo expansionista para apoiar a recuperação.

(Reportagem de Kevin Yao e Redação de Pequim)