ONS reduz projeções para carga nacional e chuvas no Sul em agosto

SÃO PAULO (Reuters) - O Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) reduziu suas previsões de agosto para a carga nacional de energia e para as chuvas que devem chegar aos reservatórios de hidrelétricas do Sul no mês.

Segundo boletim divulgado nesta sexta-feira, o ONS estima agora um crescimento de 3,3% da carga frente a agosto de 2022, ante 3,6% previstos há uma semana.

O ONS também revisou para baixo a projeção para chuvas que devem chegar em agosto aos lagos de usinas do Sul, a 65% da média histórica, ante 79% estimados na semana anterior.

Para os demais subsistemas, as expectativas de chuvas foram elevadas para o Nordeste (62%, ante 54%) e ligeiramente ajustadas para o Sudeste/Centro-Oeste (87%, ante 85%) e o Norte (70%, ante 69%).

O órgão estimou ainda que o armazenamento das hidrelétricas do Sudeste/Centro-Oeste alcançará 78,4% ao final deste mês, contra 78,9% previstos na semana passada.

(Por Letícia Fucuchima)

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes