Ações da China e Hong Kong caem com dados fracis de crédito

XANGAI(Reuters) - As ações da China e de Hong Kong caíram nesta segunda-feira, com o sentimento do investidor permanecendo moderado depois que dados de crédito decepcionantes se somaram às preocupações com a desaceleração da economia da China, agravada por choques imobiliários.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, fechou em queda de 0,73%, enquanto o índice de Xangai caiu 0,34%. O índice Hang Seng, de Hong Kong, teve baixa de 1,58%.

Os novos empréstimos bancários da China caíram em julho e outros indicadores importantes de crédito também enfraqueceram, mesmo depois que as autoridades cortaram as taxas de juros e prometeram dar mais apoio à economia.

Após dados mais fracos do Índice de Gerentes de Compras de julho, a contração mais profunda nos dados comerciais, a deflação e o crescimento mais lento do crédito reafirmaram o fraco crescimento em julho, disseram analistas do Barclays em nota, acrescentando que esperam que os dados de atividade desta semana também pintem um quadro sombrio.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,27%, a 32.059 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,58%, a 18.773 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 0,34%, a 3.178 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,73%, a 3.855 pontos.

. Em SEUL, o índice KOSPI teve desvalorização de 0,79%, a 2.570 pontos.

Continua após a publicidade

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,25%, a 16.393 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 1,41%, a 3.247 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,86%, a 7.277 pontos.

Deixe seu comentário

Só para assinantes