Ações do setor automobilístico reduzem perdas e mercados da China têm pouca variação

XANGAI (Reuters) - As ações da China tiveram pouca movimentação nesta quinta-feira, com as ações do setor automotivo reduzindo perdas após uma investigação sobre subsídios da União Europeia, enquanto os investidores continuaram a buscar sinais de medidas e de recuperação econômica.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, fechou com queda de 0,08%, enquanto o índice de Xangai ganhou 0,11%. O índice Hang Seng, de Hong Kong, subiu 0,21%.

A chefe da Comissão da UE, Ursula von der Leyen, anunciou na quarta-feira uma investigação sobre subsídios relacionados a veículos elétricos chineses e declarou que a Europa fará "o que for necessário para manter sua vantagem competitiva" no Parlamento Europeu.

O índice automotivo da China chegou a cair 2,0% no início das negociações, mas reduziu as perdas rapidamente e fechou em queda de 0,6%.

A fabricante de veículos elétricos BYD, que tem exposição de vendas na Europa, recuou 3,1%.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,41%, a 33.168 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,21%, a 18.047 pontos.

. Em XANGAI, o índice SSEC ganhou 0,11%, a 3.126 pontos.

. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 0,08%, a 3.733 pontos.

Continua após a publicidade

. Em SEUL, o índice KOSPI teve valorização de 1,51%, a 2.572 pontos.

. Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou alta de 1,36%, a 16.807 pontos.

. Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,95%, a 3.249 pontos.

. Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 avançou 0,46%, a 7.186 pontos.

Deixe seu comentário

Só para assinantes