Operação contra tráfico de drogas na Bahia deixa 1 policial federal e 4 suspeitos mortos

(Reuters) - Uma operação da polícia federal, militar e civil contra o tráfico no bairro de Valéria, em Salvador, deixou um policial federal e quatro suspeitos mortos após confrontos nesta sexta-feira, de acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA).

O policial Lucas Caribé Monteiro de Almeida foi levado ao Hospital Geral do Estado (HGE), mas não resistiu.

Outros dois policiais também foram atingidos e encaminhados ao hospital. O HGE não informou o estado de saúde deles. Os quatro suspeitos feridos durante confrontos com a polícia também não resistiram, segundo o governo da Bahia.

A chamada operação Fauda visa combater uma suposta organização criminosa envolvida com tráfico de drogas e armas, homicídios e roubos, com atuação no bairro de Valéria, de acordo com a SSP-BA.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse no X, antigo Twitter, que recebeu "com profunda tristeza e indignação" a morte do policial, que há dez anos atuava na PF.

"Lucas fez parte da equipe designada pela PF para a minha segurança na Bahia, durante a campanha eleitoral e também agora, na Presidência... Meus sentimentos aos familiares, amigos e colegas", escreveu Lula.

Durante a operação, deflagrada pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado (Ficco), foram apreendidos dois fuzis, duas pistolas, munições, rádios comunicadores e roupas camufladas, conforme relatado pelo governo estadual.

(Reportagem de Patrícia Vilas Boas, em São Paulo)

Deixe seu comentário

Só para assinantes