PF e Marinha fazem apreensão recorde de 3,6 toneladas de cocaína no mar brasileiro

SÃO PAULO (Reuters) - Uma ação conjunta da Polícia Federal e da Marinha apreendeu 3,6 toneladas de cocaína em uma embarcação na costa de Pernambuco que tinha como destino a África, na maior apreensão da droga já realizada no mar brasileiro, informou a Marinha nesta terça-feira.

A apreensão, feita por um navio da Marinha que transportava agentes da Polícia Federal, ocorreu pela manhã a cerca de 33 quilômetros de Recife, segundo o comunicado. A embarcação que levava a cocaína tinha cinco tripulantes e foi rebocada após a operação, disse a Marinha.

A ação faz parte do operação "Ágata Nordeste", que envolve forças de segurança e fiscalização para combater os crimes transfronteiriços e ambientais, segundo o órgão.

(Por André Romani)

Deixe seu comentário

Só para assinantes