Ações sobem com queda de taxas de títulos antes de decisão do Fed

Por Bansari Mayur Kamdar e Shashwat Chauhan

(Reuters) - As ações europeias subiram em uma recuperação generalizada nesta quarta-feira, à medida que rendimentos dos títulos governamentais em todo o continente caíam, enquanto investidores estavam atentos ao veredito do Federal Reserve sobre a política monetária.

O índice pan-europeu STOXX 600 fechou em alta de 0,91%, a 460,66 pontos, após duas sessões consecutivas de perdas.

As ações imobiliárias, muitas vezes consideradas uma proxy de títulos, avançaram 2,2% conforme os rendimentos dos títulos governamentais cediam. [GVD/EUR]

No Reino Unido, os rendimentos dos gilts -- os títulos ingleses -- registraram uma queda maior e a libra depreciava depois de dados mostrarem que a alta taxa de inflação no país desacelerou inesperadamente em agosto. Isso aumentou a perspectiva de que o Banco da Inglaterra (BoE) interromperá seu longo período de altas das taxas de juros já na quinta-feira.

“A suavidade nos dados de inflação de hoje foi um choque para nós, para o mercado e para o Banco da Inglaterra”, escreveram estrategistas do BNP Paribas em nota.

O britânico FTSE 100 subiu, enquanto o setor de bens pessoais e domésticos, que abriga as principais construtoras residenciais do país, ganhou 0,7%.

Os bancos da zona euro saltaram 2,0%, depois que o UniCredit da Itália disparou 4,7%.

Em LONDRES, o índice Financial Times avançou 0,93%, a 7.731,65 pontos.

Continua após a publicidade

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,75%, a 15.781,59 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,67%, a 7.330,79 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 1,64%, a 29.229,30 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 1,24%, a 9.645,80 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,55%, a 6.188,27 pontos.

Deixe seu comentário

Só para assinantes