Makhlouf diz que março provavelmente é muito cedo para corte de juros pelo BCE

DUBLIN (Reuters) - O Banco Central Europeu já chegou ao fim de seu ciclo de aperto monetário ou está muito perto disso e março do próximo ano é provavelmente muito cedo para um primeiro corte nos juros, disse nesta quarta-feira o membro do conselho do BCE Gabriel Makhlouf.

"Minha opinião no momento é que março é provavelmente muito cedo", disse Makhlouf a um comitê parlamentar irlandês quando perguntado se o BCE poderia cortar as taxas de juros já em março, depois de ter aumentado sua taxa básica para um recorde de 4% na semana passada.

"Eu disse antes do verão (no hemisfério norte) que estávamos nos aproximando do topo da escada dos aumentos das taxas de juros, e acho que estamos lá ou perto disso."

(Reportagem de Padraic Halpin)

Deixe seu comentário

Só para assinantes