BNDES aprova R$2,4 bi para venda de jatos da Embraer e produção de aeronaves para exportação

Por Rodrigo Viga Gaier

RIO DE JANEIRO (Reuters) -O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) aprovou um novo financiamento para a Embraer fornecer 14 aeronaves para a companhia aérea norte-americana Republic Airways, afirmou o presidente da instituição de fomento, Aloizio Mercadante, nesta terça-feira.

O banco informou em comunicado que a operação soma aproximadamente 1,4 bilhão de reais e envolve aeronaves do modelo E-175 para a empresa que atua exclusivamente com aviões da fabricante brasileira. A Reuters já havia noticiado o valor do empréstimo mais cedo citando fonte.

O BNDES também aprovou crédito de aproximadamente 1 bilhão de reais para a produção de aeronaves para futura exportação, por meio do BNDES Exim Pós-Embarque (comercialização) e do BNDES Exim Pré-Embarque (produção) -- linhas tradicionais do banco que apoiam empresas brasileiras em diferentes etapas da exportação.

Conforme o comunicado do banco, na compra dos aviões pela Republic, a operação do BNDES Exim Pós-Embarque cobrirá uma parcela do investimento total da companhia aérea. As aeronaves serão entregues pela Embraer entre 2023 e 2024.

No crédito via BNDES Exim Pré-Embarque, os recursos serão utilizados pela empresa brasileira para produção de aeronaves comerciais dos modelos 175-E1, 190-E1, 190-E2 e 195-E2.

Neste ano, além das 14 aeronaves para a Republic Airways, o BNDES financiou a comercialização de três aviões Embraer para a egípcia CIAF -- em abril -- e outros 11 para a também norte-americana Alaska Airways -- em junho. No ano, os desembolsos para a fabricante brasileira somam 778 milhões de dólares

Segundo Mercadante, o banco financiou nove aeronaves em 2022.

Por volta de 13:30, as ações da Embraer subiam 0,58%, a 17,20 reais, enquanto o Ibovespa, referência do mercado acionário brasileiro, perdia 0,89%.

Continua após a publicidade

(Reportagem adicional de Paula Arend Laier, em São PauloEdição de Pedro Fonseca)

Deixe seu comentário

Só para assinantes