Goldman Sachs tem queda no lucro do 3º tri com impacto de fintech e apostas no setor imobiliário

(Reuters) - O lucro do Goldman Sachs caiu no terceiro trimestre, atingido por baixa contábil de 864 milhões de dólares gerada pela fintech GreenSky e seus investimentos em imóveis.

O gigante de Wall Street teve lucro líquido de 2,06 bilhões de dólares, ou 5,47 dólares por ação, nos três meses encerrados em 30 de setembro. Um ano antes o banco teve lucro de 3,07 bilhões de dólares, ou 8,25 dólares por ação.

A incursão do Goldman no setor de banco de varejo tem se mostrado cara, com perdas de 3 bilhões de dólares em três anos.

O presidente-executivo do banco, David Solomon, mudou o foco do banco de volta para seus pontos fortes tradicionais - banco de investimento e operações de tesouraria, e tem como objetivo crescer na gestão de ativos e patrimônio.

"O trabalho que estamos fazendo agora nos proporciona uma plataforma muito mais forte para 2024", disse Solomon. "Também espero uma recuperação contínua nos mercados de capitais e na atividade estratégica se as condições permanecerem favoráveis."

O banco fez uma baixa contábil de 506 milhões de dólares na GreenSky, que facilita empréstimos para reformas em residências e foi vendida para um consórcio de empresas de investimento liderado pela Sixth Street Partners.

A empresa tinha sido comprada por 1,7 bilhão de dólares no ano passado, embora tenha sido avaliada em 2,2 bilhões quando o negócio foi anunciado pela primeira vez em 2021.

Os investimentos imobiliários pesaram no resultado do Goldman, já que o banco registrou um encargo de redução de valor recuperável de 358 milhões de dólares. Isso atingiu a receita da unidade de gestão de ativos e patrimônio, que caiu 20%, para 3,23 bilhões de dólares.

No entanto, o setor de banco de investimento mostrou força, mantendo praticamente inalterado o volume de comissões no trimestre ante o mesmo período do ano passado, a 1,55 bilhão de dólares. A unidade pegou carona na retomada da atividade de emissão de dívida e recuperação de ofertas públicas iniciais de ações.

Continua após a publicidade

"Também espero uma recuperação contínua nos mercados de capital e na atividade estratégica se as condições permanecerem favoráveis", disse Solomon.

Os resultados do setor de bancos de investimento não tiveram uma direção comum no trimestre, com o JPMorgan Chase relatando um declínio de 6% na receita, enquanto o Citigroup registrando crescimento de 34%. O Morgan Stanley deverá divulgar seus lucros na quarta-feira.

A receita líquida do banco para renda fixa, câmbio e commodities caiu 6%, enquanto as ações subiram 8%.

(Por Niket Nishant e Noor Zainab Hussain)

Deixe seu comentário

Só para assinantes