Wall St sobe com comentários de Powell alimentando esperança de que Fed pausará aumento dos juros

Por Shubham Batra e Shashwat Chauhan

(Reuters) - Os principais índices de Wall Street subiam nesta quinta-feira, depois que o chair do Federal Reserve, Jerome Powell, disse que o banco central dos EUA estava "procedendo com cuidado" em relação a novos aumentos das taxas de juros.

As ações de megacapitalização, exceto a Tesla, ficaram positivas após os comentários preparados por Powell para o Clube Econômico de Nova York.

Os operadores agora veem uma chance de 68% de não haver aumento dos juros em dezembro, em comparação com uma chance próxima de 50% antes dos comentários de Powell, de acordo com a ferramenta FedWatch, da CME, enquanto as apostas em uma pausa em novembro permaneceram inalteradas.

Powell, no entanto, acrescentou que a força da economia e a continuidade do mercado de trabalho apertados poderiam justificar novos aumentos da taxa de juros do Federal Reserve.

"Powell continuou a deixar as opções em aberto para o Fed, em termos de aumentos futuros das taxas, mas não fez nada para mudar a narrativa de que o Fed manterá as taxas inalteradas em sua próxima reunião e é relativamente provável que as mantenha inalteradas também pelo resto deste ano", disse Chris Zaccarelli, diretor de investimentos da Independent Advisor Alliance.

Às 14:35 (de Brasília), o índice S&P 500 ganhava 0,06%, a 4.317,34 pontos, enquanto o Dow Jones subia 0,14%, a 33.712,02 pontos. O índice de tecnologia Nasdaq Composite avançava 0,43%, a 13.371,84 pontos.

Deixe seu comentário

Só para assinantes