PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Barbosa diz que todas as medidas no momento dependem do Congresso

24/03/2016 20h15

O ministro da Fazenda, Nelson Barbosa, disse há pouco que as medidas econômicas apresentadas pelo governo e necessárias para que alguns programas e investimentos sejam mantidos dependem de autorização do legislativo. Em meio a uma conjuntura negativa de queda na arrecadação, se essas propostas do Executivo forem aprovadas, é possível estabilizar a economia ainda este ano

"Se o Congresso nacional nos der os instrumentos, nós vamos estabilizar a economia ainda nesse ano", disse o ministro, em entrevista concedida à rede pública de TV NBR. "Para que possamos atuar com algumas medidas de crédito também precisamos de autorização do Congresso ", exemplificou.

Segundo Barbosa, como em qualquer democracia avançada, o Legislativo tem um papel importante. Ressaltou que cabe ao Poder Executivo propor iniciativas e ao Congresso Nacional aprovar essas iniciativas para que a presidente da República possa executá-las.

Como já disse em outras oportunidades, o ministro afirmou ainda que espera uma queda da inflação ao longo de 2016 e revisão das expectativas do mercado para baixo. De acordo com o boletim Focus, divulgado semanalmente pelo Banco Central, a estimativa para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) para este ano recuou de 7,46% para 7,43%. "A redução já está em curso e deve cair mais rapidamente no meio do ano", afirmou Barbosa.