Ibovespa sobe mais de 1% com ajuda de ações de mineração e siderurgia

O Ibovespa opera em alta desde a abertura, em linha com os ganhos das bolsas internacionais. O índice da Bolsa paulista avançava 1,92% às 11h08, para 53.910 pontos.

Ações de mineração e siderurgia lideravam os ganhos, após sequência de quedas recente e com respaldo de valorizações de suas pares na Europa. O minério de ferro na China, no porto de Qingdao, subiu 4,12% hoje, para US$ 62,85 a tonelada, maior cotação desde 8 de março.

As maiores altas do índice eram de CSN (6,78%), Vale PNA (6,73%), Vale ON (6,88%), Usiminas PNA (2,90%), Petrobras PN (4,44%), e Gerdau Metalúrgica PN (3,26%).

No exterior, os investidores procuram ativos de risco. O petróleo volta a subir, mesmo após a frustração com a ausência de acordo no encontro entre grandes produtores em Doha no fim de semana.

Os preços do barril se mantêm acima de US$ 40, também sustentados pelo corte de quase metade na produção da commodity no Kuwait por causa de uma greve nos trabalhadores do setor no país, que já se estende por três dias.

No front político local, o processo de impeachment segue hoje para apreciação do Senado Federal e os investidores aguardam as primeiras medidas que Michel Temer pode tomar à frente do governo. O Valor traz em reportagem nesta terça-feira que a volta da CPMF seria a mais viável no curto prazo, ainda que insuficiente para restabelecer o reequilíbrio fiscal.

Do lado das quedas, estavam as exportadoras Fibria e Suzano (-2,92% e -1,99%, respectivamente).

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos