Bolsas

Câmbio

Eletrobras tem 10 dias para recorrer da suspensão de negócios na Nyse

A Eletrobras informou ter dez dias úteis para encaminhar um recurso preliminar contra a decisão da Bolsa de Valores de Nova York (Nyse) de ontem, que suspendeu a negociação de recibos de ações (ADRs) da empresa e iniciou o seu processo de deslistagem. A medida foi tomada diante do atraso na entrega do formulário 20-F à Securities and Exchange Commission (SEC), reguladora do mercado de capitais dos Estados Unidos.

Em comunicado, a estatal informa que o prazo começa a contar de ontem, data em que a interrupção foi anunciada pela Nyse. Na apresentação preliminar, a companhia terá a oportunidade de manifestar também se deseja fazer uma apresentação oral ao comitê do conselho de administração da bolsa americana, em data ainda a ser agendada.

A Eletrobras terá que pagar uma taxa para entrar com o recurso no valor de US$ 20 mil e informa, no comunicado, que pretende apresentar "todos os recursos cabíveis" contra a decisão.

A elétrica lembra ainda que os recibos de ações poderão ser negociados no mercado de balcão, chamado "over the counter", a partir de amanhã, com os tíquetes EBRBY para os ADRs lastreados nas papéis preferenciais e EBRYY para os ADRs lastreados em ordinários.

Por fim, a companhia também destaca que seus contratos de empréstimos e financiamentos e bônus internacionais não têm cláusulas de limites de endividamento ("covenants").

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos