ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Em 17 anos de regime de metas, inflação nunca saiu do controle, diz chefe do BC

Wilson Dias/Agência Brasil
Imagem: Wilson Dias/Agência Brasil

20/05/2016 10h15Atualizada em 20/05/2016 13h34

Ainda que em alguns anos a inflação tenha ultrapassado o limite superior da meta, essas situações estão previstas e são administráveis, afirmou o presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, no 18º Seminário Anual de Metas para a Inflação, no Rio de Janeiro.

Segundo ele, apesar desses desvios, a inflação nunca saiu do controle nesses 17 anos do regime de metas de inflação. "A robustez do sistema foi testada sob os mais diferentes cenários econômicos", afirmou Tombini. "A manutenção dos princípios do regime permitiu que a inflação fosse mantida sob controle."

O Brasil teve inflação de 10,67% no ano passado e, com isso, estourou o limite máximo da meta do governo. A meta era manter a alta de preços em 4,5%, podendo variar entre o intervalo de 2,5% a 6,5%. 

Tombini disse que, no cenário internacional, é possível concluir que o regime de metas encontra amplo apoio nas mais diferentes jurisdições. No Brasil, o regime adotado pelo país como um dos pilares do tripé econômico sustentou o crescimento e superou críticas, afirmou.

O presidente do BC não comentou a política monetária atual.

Tombini será substituído por Ilan Goldfajn no cargo, nomeado pelo presidente interino Michel Temer. Goldfajn ainda precisa ser sabatinado na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado.

Proprietários estão dando descontos nos aluguéis

Band News

Mais Economia