Bolsas

Câmbio

Bovespa fecha em alta e rompe a resistência dos 52.000 pontos

O mês de julho começou com o Ibovespa tentando romper a resistência dos 52.000 pontos. O índice fechou com alta de 1,37% aos 52.120 pontos. Na semana, a valorização do indicador é de 4,25%. De acordo com operadores, se o Ibovespa conseguir sustentar o patamar acima de 52.000 pontos pode ingressar em uma trajetória consistente de alta. "O Ibovespa rompeu uma resistência importante de 51.800 pontos, mas ainda não estamos vendo força para a manutenção acima dos 52.000 pontos", disse Luis Gustavo Pereira, estrategista da Guide Investimentos.

O desempenho positivo do Ibovespa seguiu a alta dos mercados internacionais. As bolsas europeias fecharam em alta e os indicadores do mercado de ações americanos também subiram. "A alta foi ajudada pela perspectiva de que o banco central dos Estados Unidos não deve subir a taxas de juros no curto prazo", disse Pereira.

A alta no preço das commodities também ajudou no desempenho positivo do Ibovespa. O preço do barril do petróleo WTI subiu 1,4% para US$ 48,99 o barril. Aqui, as ações da Petrobras ON ganharam 4,77% e Petrobras PN teve alta de 4,24%. As ações da Vale ON subiram 2,15% e Vale PNA ganhava 1,61%.

Entre os destaques de alta do Ibovespa ficaram as ações de companhias exportadoras. A CSN ON, teve alta de 12,02%, Fibria ON ganhou 7,52%, Usiminas PNA subiu 5,58%, Gerdau PN teve alta de 5,09%, Suzano Papel e Celulose PNA ganhou 5,47% e Klabin Unit teve alta de 5,96%. O movimento de alta faz parte de um processo de recuperação de preços e também da alta do dólar. A cotação subiu 0,61% para R$ 3,2319.

O discurso do presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, também ajudou na recuperação do preço das ações dessas companhias. Em entrevista ao Valor PRO, Ilan deu um sinal claro de que o BC pode continuar intervindo no mercado de câmbio para conter a volatilidade e aproveitar oportunidades para reduzir o estoque de swaps cambiais tradicionais.

Já as ações da BRF também são destaque de alta depois de a companhia ter anunciado que o conselho de administração aprovou a constituição de uma subsidiária que concentrará os ativos da empresa relacionados à produção, distribuição e comercialização de alimentos destinados aos mercados muçulmanos. A nova subsidiária se chamará Sadia Halal.

No setor financeiro, as ações que mais subiram foram Itaú Unibanco PN, com ganho de 2,08%, Bradesco PN teve alta de 1,74%, Bradesco ON ganhou 0,92%, Santander Unit subiu 0,82% e Banco do Brasil ON registrou queda de 0,75%.

Na ponta oposta, as ações com os piores desempenhos foram JBS ON, com queda de 5%, EcoRodovias ON, com baixa de 2,62%, Ultrapar ON, com queda de 1,96% e Qualicorp, com baixa de 4,03%. De acordo com Pereira, as quedas fazem parte de um ajuste de preços. Mas no caso da JBS, a queda no preço é decorrência de a Polícia Federal ter realizado nesta manhã uma nova fase da Operação Lava-Jato, com a busca e apreensão de documentos na empresa Eldorado, que assim como a JBS SA, é controlada pela holding J&F. Por comunicado, a JBS SA divulgou que "não foi alvo de qualquer operação da Polícia Federal nesta manhã".

Ainda no cenário corporativo, a Estácio Participações informou hoje que aceitou proposta de fusão com a Kroton. As ações da Estácio ON subiram 1,47% e os papéis da Kroton ON subiram 5%.

O giro financeiro do Ibovespa ficou em R$ 6,1 bilhões, acima da média do mês passado, que foi de R$ 5 bilhões.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos