Bolsas

Câmbio

Ministro da Justiça contesta manifesto pedindo sua renúncia do cargo

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, respondeu na noite desta quarta-feira, por meio de sua assessoria, ao manifesto do Centro Acadêmico XI de Agosto, classificando-o como "lamentável" ao pedir sua renúncia do cargo.

"É lamentável que algumas pessoas que exerceram cargos no governo anterior e o PT tentem esconder sua incompetência na gestão de segurança pública e sistema penitenciário durante os 13 anos de gestão", disse Moraes por meio da assessoria do ministério.

O ministro afirmou também que, em sua avaliação, opções desastradas, ineficiência na gestão e péssimo uso do dinheiro público, durante esse período, criaram a condições negativas para a grave crise aguda que hoje o país sofre. "Falassem menos e trabalhassem mais, não estaríamos nessa situação", acrescentou o ministro.

Já o PSDB, partido pelo qual Moraes foi indicado para o governo Michel Temer, afirmou em nota que ex-ministros e parlamentares do PT usam de demagogia para, segundo afirmou o partido, tentar esconder a responsabilidade dos governos petistas com o agravamento da situação que o país enfrenta hoje.

"O ministro Alexandre de Moraes enfrenta hoje, com coragem, mais uma herança gerada pela omissão de 14 anos das administrações do PT", afirmou o PSDB em nota. "A gravidade da situação exige responsabilidade. A sociedade brasileira não aceita mais tamanho oportunismo político", completou o partido.

Moraes conta com o apoio do presidente Michel Temer no cargo e tem acompanhado de perto a situação de violência em presídios pelo país. O governo federal espera concretizar em breve um conjunto de iniciativas voltadas para apoiar ações de segurança pública em Estados e municípios.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos