Bolsas

Câmbio

Dólar é negociado na casa de R$ 3,22 e juros têm viés de queda

Os juros futuros de curto prazo recuam nesta segunda-feira, um dia antes da divulgação da ata do Comitê de Política Monetária (Copom) e em meio ao menor volume de negócios desde a semana do Natal.

Até o momento, cerca de 108 mil contratos de DI haviam sido negociados. Mantido esse ritmo, a sessão caminha para registrar o menor volume desde 26 de dezembro, sessão mais fraca de todo o ano de 2016. O baixo giro se deve à ausência dos mercados americanos, fechados pelo feriado do Dia de Martin Luther King Jr.

O mercado vai para a ata projetando 60% de chance de novo corte de 0,75 ponto percentual da Selic em fevereiro. A curva de DI indica Selic de 9,9% ao ano até dezembro. A taxa básica de juros da economia está hoje em 13%.

De forma geral, os analistas esperam que o Copom fortaleça os pontos tratados no comunicado da semana passada, com alguma chance de mais detalhes sobre os fatores que influenciam a extensão do ciclo de cortes.

Às 11h48, DI janeiro de 2018 - que reflete apostas para os movimentos da política monetária ao longo de 2017 - cedia a 11,020% ao ano, contra 11,060% no ajuste anterior.

As variações são comedidas também no mercado de câmbio, com o dólar cotado a R$ 3,2253, com elevação de 0,15%.

Investidores aguardam sinalizações do BC sobre a rolagem de um lote de US$ 6,431 bilhões em swaps cambiais que vence no começo de fevereiro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos